O que devo considerar no meu plano de marketing industrial?

Publicado em 16 de abril de 2017 . Categoria: Inbound Marketing | Inbound Trade | Marketing | Marketing de Conteúdo Educacional | Marketing Digital | Marketing Industrial | Olá Multicom

O que devo considerar no meu plano de marketing industrial?

Muitas empresas penam na hora de desenvolver o plano de marketing. De fato, essa não é uma tarefa fácil, pois é nessa hora que surgem questões essenciais para definir o rumo da empresa em curto e em médio prazo.

A criação desse documento é complexa e, geralmente, muito demorada. No entanto, sem ele a empresa fica sem direcionamento ou mensuração em suas campanhas publicitárias — fatores essenciais para o aperfeiçoamento das estratégias.

Pensando nisso, listamos aqui alguns pontos que devem ser considerados na hora de elaborar o seu plano de marketing industrial. Acompanhe!

Faça uma análise situacional

Nesse ponto, é preciso detalhar tudo o que marketing da sua empresa tem feito. Quais são as campanhas que estão dando — ou deram — os melhores resultados?

Perguntas como “quais ofertas cativaram mais o meu público?” e “qual segmentação conseguiu atingir as pessoas certas para os meus produtos?” são importantes nessa fase.

Dessa maneira, será possível tirar proveito da experiência adquirida ao longo do tempo.

Considere aperfeiçoar seu website

O site de uma empresa é a sua referência no mundo online, portanto, você precisa que ele seja responsivo. Funcionar adequadamente em todos os dispositivos que acessem a internet como notebooks, smartphones e tablets, é essencial. Afinal, o seu público deve poder acessá-lo, da forma que melhor convier a ele.

Agora, se você vende para empresas de outro país ou pretende fazer isso no futuro, talvez seja a hora de considerar a criação de uma versão em outra língua para o seu conteúdo.

O inglês é universal, mas dependendo de seu público, considere o espanhol e o francês também.

A otimização do seu site, além de melhorar a experiência do usuário, também colabora para subir a sua empresa nos ranqueamentos dos mecanismos de busca como o Google e o Bing.

Pense em segmentar sua comunicação

O setor industrial tem que lidar com um leque grande de diferentes públicos: distribuidores, revendedores, fornecedores, entre outros.

Cada um desses clientes têm uma relação diferente com a sua empresa. Por isso, ao segmentar suas ações de comunicação, você acaba por ganhar em tempo e efetividade.

Uma dica importante é criar um banco de dados com divisões estabelecidas para cada público.

Assim, fica mais fácil enviar propostas e ofertas para as pessoas certas e no momento certo.

Investigue novas ferramentas e mídias

A hora de criar o plano de marketing é o momento ideal para descobrir estratégias inovadoras.

O marketing digital tem uma cartela de opções que devem ser levadas consideradas nesse sentido. Podemos citar o e-mail marketing, campanhas de mídias em redes sociais e, em especial, a prática do Inbound Trade.

É preciso evidenciar que a criação de conteúdo digital aliado ao trade marketing já é uma realidade nas campanhas B2B (marketing entre empresas).

Considere criar um blog com postagens, textos e imagem que irão cativar seu público e te ajudar na hora de fechar negócios.

Técnicas de Inbound Trade podem ajudar empresas do setor industrial a vender mais e também a fortalecer a sua marca

Defina um orçamento para o plano de marketing

É impossível pensar em plano de marketing sem considerar o custo que ele acarreta.

Cada empresa trabalha com uma porcentagem diferente em relação aos seus lucros para chegar nesse número.

É preciso calcular a taxa de Retorno sobre o Investimento — de cada ação de marketing e combinar as projeções com números de vendas atuais.

Gostou do nosso texto sobre itens a serem considerados na hora de criar o plano de marketing?

Curta nossa página e compartilhe nas suas redes sociais.

Roder Cypriano
OLÁ Multicom
Agência Certificada RD Station

Tags: