DE JORNALISTA A GESTOR DE CONTEÚDO

Publicado em 27 de setembro de 2015 . Categoria: Marketing Conteúdo | Marketing Digital

De Jornalista a Gestor de Conteúdo

DE JORNALISTA A GESTOR DE CONTEÚDO: VOCÊ JÁ REFLETIU SOBRE ISSO?

As coisas mudam com uma frequência enlouquecedora, seja por conta da condição natural e necessária de mudança, seja pelos avanços tecnológicos que a cada dia alteram e aprimoram a forma como assistimos tv, dirigimos um automóvel, como compramos, como estudamos, como empreendemos, dentre outras transformações que não imaginávamos que fossem possíveis há poucos anos.

Tantas mudanças nos levam a repensar a forma como realizamos nossas atividades pessoais e profissionais.

Não dá pra ficar alheio às transformações que o “mundo físico” em que vivemos está passando, principalmente quando nos vemos diante de uma inundação de informações e conteúdos que nos chegam diariamente pelos mais diversos meios de comunicação.

JORNALISMO E MARKETING DE CONTEÚDO: O CASAMENTO PERFEITO

Diz-se que evoluir é coerente. Quem evolui, cresce. Perfeito!

A evolução natural à que estamos presenciando em todos os meios da sociedade é algo factível, talvez não esperada, mas aceitável.

Assim como a evolução tecnológica ocorre, por conta de uma necessidade de se aprimorar, melhorar, da mesma forma também seguimos o curso da evolução na forma como vendemos, compramos, nos relacionamos, fazemos negócios, comunicamos e muito mais.

Os profissionais do setor da comunicação já perceberam (os que ainda não, devem acordar e rápido) que é preciso acompanhar o ritmo das mudanças tecnológicas, da maneira como consumimos informações e buscamos conteúdo.

O Marketing de Conteúdo já é uma realidade e se firma como uma necessidade para empresas que querem se destacar entre seus concorrentes.

Diante disso, profissionais modernos das áreas de comunicação, publicidade e jornalismo precisam entender como funcionam o Inbound Marketing e o Marketing de Conteúdo e aprimorar seus conhecimentos para o NOVO MARKETING, presente na web e ambientes mobile.

Não é mais possível pensar em Jornalismo sem pensar na Internet.

O Jornalismo passa por um processo de transformação e evolução tecnológica que precisa ser acompanhado.

Cabe ao profissional atentar-se para as mudanças que estão acontecendo e aproveitar as oportunidades.

A relevância da informação tem peso e autoridade na internet e é aqui que o casamento entre o Marketing de Conteúdo e o Jornalismo acontece.

Conteúdo na Web, no sentido literal da palavra, é redigir uma matéria ou um post para alcançar uma “persona”, que representa um público-alvo específico, com dores, sentimentos, desejos, faixa etária e profissão definidas.

O Jornalista de Conteúdo (ou Gestor de Conteúdo), tem papel fundamental e participativo na elaboração das estratégias de Marketing Digital, no alcance dos objetivos de comunicação e isso torna o Jornalista de Conteúdo uma peça de fundamental importância na difícil tarefa de conquistar e manter clientes, no dia a dia das empresas.

A IMPORTÂNCIA DO JORNALISTA NA GERAÇÃO DE CONTEÚDO

A revolução que temos assistido na forma como consumimos informação, como buscamos conteúdos e, nos comunicamos é, em grande parte, respaldada pelas novas tecnologias que são fortemente embasadas na internet.

Se tirarmos a internet de tudo que dispomos, que estão diretamente ligados a esta fantástica ferramenta, teremos o caos, um mundo inerte.

Podemos afirmar, sem nenhum medo de errar, que somos dependentes da internet. Em todos os sentidos. E isso é bom, claro.

É bom porque novas portas abrem-se. Novas oportunidades se apresentam e criam um verdadeiro oceano de possibilidades para quem está atento.

Como Jornalista de Conteúdo, a informação que você está transmitindo para o mundo pode fazer a diferença na vida de quem a absorve e, na história das empresas.

Você, Jornalista, é quem estudou (ou ainda estuda) sobre pautas, redação, edição, fechamento; domina a escrita e seus pormenores; que sabe a diferença entre conteúdo e forma no jornalismo; que conhece os aspectos éticos e deontológicos da profissão.

As faculdades e universidades devem rever suas grades curriculares a fim de proporcionar o melhor conteúdo aos seus alunos com o objetivo de preparar profissionais nivelados com a evolução do mercado.

Como Jornalista Gestor de Conteúdo, sua tarefa é criar relevância, destacar uma empresa, um político (aproveitando as eleições que se aproximam), uma autoridade pública ou artista como uma referência na sua área ou assunto, produzindo conteúdo.

Podemos fazer uma analogia à sua importância no mercado da seguinte forma: quem uma empresa contrataria para preparar um maravilhoso jantar?

O chef Claude Troisgros, que põe a mão na massa e conta seus segredos ou Angélica, que leva convidados para prepararem um prato em seu programa?

Acredito que a escolha seria do Chef Claude, porque ele é uma referência no assunto.

Isso se chama AUTORIDADE e, no Marketing de Conteúdo, só tem autoridade que tem CONTEÚDO e, este conteúdo precisa ser RELEVANTE.

E aqui entra o trabalho do Jornalista de Conteúdo e sua importância, na produção de conteúdo para a internet.

A produção de conteúdo se torna cada vez mais o principal ativo das empresas no ambiente virtual a longo prazo, e, quanto mais cedo se começa, mais cedo se colhe mais e melhores resultados.

Conteúdo relevante gera muitos links e o Google analisa e disponibiliza páginas ricas em conteúdo.

Bem, isso já é outro assunto.

Deixe sua opinião e, se gostou, compartilhe este post.

Grande abraço.

Roder Cypriano | OLÁ Multicom

Assessoria de imprensa e marketing de conteúdo

Tags: